LIVROS

O Mito da Terra Liberta

torcidas

Autor: Lonarda Musumeci
ISBN: 85-7115-003-6
Editora: ANPOCS, Editora Revista dos Tribunais, Vértice
Edição: 1988
Número de páginas:

Sinopse: Muito se tem escrito, nos últimos anos, sobre a fronteira, o pequeno produtor, a expansão do capitalismo e a luta pela terra na Amazónia. Análises prestigiadas dentro e fora dos meios acadêmicos interpretam frequentemente essa luta como expressão de um confronto mais amplo entre dois mundos exte­riores e opostos, o da terra de trabalho e o da terra de negócio; o mundo não-mercantil do camponês, privilegiador do consumo, da subsistência, do trabalho familiar, dos laços comunitários, e o mundo capitalista do mercado, da propriedade privada, da especulação e da exploração.

A partir de pesquisa antropológica realizada em área de ocupação camponesa na pré-Amazônia maranhense, este livro aponta os limites e impasses da versão dual e "populista" sobre a fronteira, investigando mais a fundo quem são, como vivem, como encaram e utilizam a terra, como se relacionam entre si e com a sociedade abrangente os camponeses das chamadas "frentes de expansão".

A primeira parte — TERRA — analisa as visões e atitudes dos camponeses migrantes relativas ao passado (o tempo da terra liberta), ao presente (o fechamento da fronteira, a luta pela terra) e ao futuro (seus projetos para uma possível reforma agrária).

A segunda parte — COMÉRCIO E PATRONAGEM — descreve histórica e sincronicamente as relações de crédito e comercialização que integram e direcionam a atividade econô­mica desses pequenos produtores rurais; examina também os laços de patronagem enquanto veículos da reprodução de dife­renças sócio-econômicas no interior das "comunidades" campo­nesas de fronteira.